NOTÍCIAS
Novidades Na Mídia

Com mais de 40 anos de história, Engeform lança vídeo institucional

Fonte: O Empreiteiro

Desde a sua origem com formas deslizantes, em 1976, a Engeform vem ampliando sua atuação, transformando sonhos, necessidades e desenhos em realidades. Atualmente, consolidada com três unidades de negócios (Engeform Engenharia, Engeform Desenvolvimento Imobiliário e Engeform Energia Renovável), a companhia acaba lança seu vídeo institucional ao mercado, disponível neste link.

Com mais de 600 empreendimentos e obras entregues, a Engeform Engenharia oferece soluções inteligentes e relevantes para diversos mercados (saúde, saneamento, energia, infraestrutura, indústria, edificações), marcando presença em todo o país. Nesta frente, se destaca por ser uma das principais construtoras hospitalares do Brasil, somando mais de 730 mil m² executados para o segmento e mais de 5 mil leitos para a população brasileira.

Para se ter uma ideia, apenas em 2019, entregou quatro grandes hospitais: Hospital da Unimed BH – Unidade Betim, Hospital Sírio-Libanês de Brasília – o primeiro da rede fora de São Paulo, o Hospital de Clínicas de Porto Alegre e Emílio Ribas, na capital paulista. Além disso, está executando as obras dos hospitais da Unimed Vale do Sinos, em Novo Hamburgo, e de Vila Brasilândia, na zona norte de São Paulo.

Já a Engeform Desenvolvimento Imobiliário, com mais de R$ 630 milhões em patrimônio corporativo, atua em todas as fases do desenvolvimento imobiliário, incorporando, construindo e realizando a gestão de edifícios comerciais de alto padrão e módulos inovadores.

Neste ano, comemorou a segunda certificação LEED do renomado Edifício Jatobá, localizado na zona sul paulistana. O prédio, que já possuía a certificação Green Building Council Gold em reconhecimento ao seu processo de construção, ganhou agora a certificação Green Building Platinum na categoria manutenção e operação, entrando para a seleta lista dos 10 do Brasil com esse selo.

A Engeform Energia Renovável, por sua vez, é proprietária do Complexo Eólico Serra das Vacas, em Pernambuco, com 142 MW em operação e que contou com investimento de cerca de R$ 1 bilhão. A unidade atua ainda com a prospecção de áreas e desenvolvimento de projetos de geração de energia proveniente de fontes renováveis.

COMPARTILHE
Confira outras notícias